Top 5 – Os maiores inimigos do Asa Noturna

Dick Grayson, o Asa Noturna, tem uma das carreiras mais longevas dos quadrinhos. Porém, estranhamente, não tem tantos inimigos marcantes. Tudo bem, talvez não seja tão estranho assim, tendo em vista que só começou a ter um título próprio na década de 1990.
Mesmo assim, o herói tem alguns nêmesis que marcaram sua vida. Então vamos ao Top 5 dos inimigos do Asa Noturna:

5 – Shrike

Este habilidoso mestre das artes marciais sempre munido de um grande arsenal de lâminas não é lá muito famoso, mas deu trabalho para Dick Grayson em dois momentos bem diferentes de sua vida.
Criado pelo quarteto Chuck Dixon, Scott Beatty, Javier Pulido e Marcos Martin em Robin: Year One #3 (dezembro de 2000), Shrike é um dos poucos inimigos exclusivos do Asa Noturna e, na verdade, foi introduzido como um inimigo de Dick ainda como Robin, em seus primeiros dias como super-herói.


Na época, Dick se infiltrou na Academia da Vingança, onde o primeiro Shrike, um membro da Liga dos Assassinos, ensinava jovens a lutar para se tornarem também assassinos. Shrike ajudou Grayson a aprimorar suas habilidades, mas logo descobriu que ele era um agente infiltrado.
Na academia, Dick ficou amigo de outro aluno, Boone, mas o Duas-Caras acabou matando Shrike e Boone adotou o lugar de seu mestre, anos depois se tornando inimigo do Asa Noturna.

4 – Anthony Zucco

Este entra pela óbvia importância histórica. Anthony “Tony” Zucco estreou junto do primeiro Robin, em Detective Comics #38. Criado por Bob Kane, Bill Finger e Jerry Robinson, Zucco é o mafioso que matou os pais de Dick Grayson no circo, o levando a se tornar Robin.


Os personagens se cruzaram poucas vezes depois disso, mas Dick chegou a ter um relacionamento com a ambígua filha de Zucco, a empresária Sonia. Em Os Novos 52, Zucco e o herói forjam uma breve aliança.

3 – Tarântula

Falando em relacionamentos, este é complicado. Tão complicado, que vamos precisar voltar aos tempos da 2ª Guerra Mundial, quando Jonathan Law fez parte do Comando Invencível como o super-herói Tarântula. Nos dias atuais, já idoso e aposentado, ele morou na cidade de Blüdhaven, no mesmo prédio que Dick Grayson, de quem se tornou amigo.

O primeiro Tarântula

Em Nightwing #71 (setembro de 2002), a roteirista Devin Grayson apresentou Catalina Marie Flores, uma ex-agente do FBI que acabou se tornando a nova Tarântula para acabar com o crime na cidade. Porém, agressiva e capaz de matar seus inimigos, ela logo iniciou uma relação muito difícil com Dick, com e sem máscara. Os dois se envolveram amorosamente, mas seu papel como anti-heroína os afastou e tornou inimigos.

Quando o chefão Arrasa-Quarteirão quase destruiu Asa Noturna, o herói, abalado, deixou com que Tarântula matasse o vilão e em seguida o “estuprasse”. Meses depois, Dick a entregou para a polícia.

2 – Exterminador

Slade Wilson dispensa apresentações. Criado em 1980 por Marv Wolfman e George Pérez, o super mercenário é inimigo jurado dos Titãs. Porém, na hora do confronto físico, sempre acabava sobrando para Dick Grayson.


Mesmo no título mensal do Asa Noturna, existiram alguns confrontos diretos entre os personagens. Para aumentar a rivalidade, quando Dick e Arsenal fundaram sua versão dos Renegados, o Exterminador manipulou a equipe se passando pelo Batman.

O Exterminador não dava paz, mesmo quando Dick estava em trajes civis!

Até nas animações dos Titãs, as lutas entre Slade e Grayson são tradicionais. Existem até rumores de que poderemos vê-los se espancarem nos cinemas

1 – Arrasa-Quarteirão

Longe de ser um dos maiores vilões da DC, o Arrasa-Quarteirão foi o maior inimigo do Asa Noturna em sua fase inicial em Blüdhaven. O primeiro Arrasa-Quarteirão foi Mark Desmond, um alquimista que conseguiu se transformar numa criatura superforte, se tornando inimigo do Batman.

O primeiro Arrasa-Quarteirão

Mas quem nos importa é Roland Desmond, irmão de Mark, criado em Starman #9 (abril de 1989) por Roger Stern e Tom Lyle. Para tratar uma grave doença, ele tomou esteroides especiais e se tornou o segundo Arrasa-Quarteirão, nada inteligente, mas poderosíssimo.
Anos depois, fez um acordo com o demônio Neron e conseguiu reter sua inteligência, se tornando o senhor do crime de Blüdhaven. Foi neste período que dedicou-se a destruir o Asa Noturna, quase conseguindo.


Guardadas as devidas proporções, o antagonismo entre eles remetia ao do Demolidor e do Rei do Crime na Marvel, com direito até a uma “Queda de Grayson” no caminho.
Como dito acima, Roland foi morto pela Tarântula, mas graças às mudanças cronologias constantes da DC, ele logo voltará a atormentar o Asa Noturna no título mensal do herói durante Renascimento.

E você? Concorda com nossa seleção?
Qual é o SEU Top 5 de inimigos do Asa Noturna?

Leonardo Vicente

Nunca sequer visitou Gotham City, muito menos morou numa caverna, nem mesmo treinou com os maiores mestres marciais do planeta. No comando do site Mundo Comics e escrevendo para a revista Mundo dos Super-Heróis, se deu conta de sua triste maior diferença quando comparado com Bruce Wayne: não tem a mesma fortuna que ele!